Informaçoes Técnicas

CALCÁRIO DOLOMÍTICO / CALCÁRIO CALCÍTICO

 Por que usar calcário ?

O calcário usado de forma correta corrige a acidez do solo e possibilita um melhor aproveitamento dos fertilizantes aplicados, aumentando então a produtividade agrícola.

Em solos ácidos, é comum a deficiência de nutrientes como Fósforo, Cálcio, Magnésio, Zinco e Molibidênio e também a toxicidade de outros nutrientes como Manganês, Ferro e principalmente Alumínio.

Com uma área plantada de 33 milhões de hectares com grãos, se o Brasil utilizasse uma quantidade de calcário quatro vezes maior que a atual e duplicasse a quantidade de fertilizantes, em cinco anos dobraria a produção de grãos.

Tipos de calcário

Em função dos teores de Cálcio e Magnésio, o calcário é classificado em calcítico, dolomítico. O tipo de calcário a ser utilizado será definido de acordo com os resultados da análise do solo.

Aspectos considerados no uso do calcário

A época de aplicação, a quantidade aplicada, a forma de distribuição e incorporação e a qualidade do calcário em conjunto, vão proporcionar uma melhor produtividade e estabilização da cultura.

Aspectos considerados no uso do calcário

A aplicação do calcário deve ser realizada com antecedência mínima de 60 dias ao plantio. A reação no solo, como regra básica, será mais rápida quanto mais os corretivos são misturados e incorporados profundamente. A qualidade do calcário pode ser avaliada pelo PRNT e PN, que indicam a pureza química e a reatividade do produto.

A CALAGEM É UMA PRÁTICA BARATA E EFETIVA NA CORREÇÃO DA ACIDEZ DO SOLO. ADQUIRA UM PRODUTO DE QUALIDADE ASSEGURADA E AVALIE OS RESULTADOS.